Tobias Torres - Otorrinolaringologia

Timpanotomia para tubo de ventilação

Cirurgia do ouvido mais executada em todo o mundo. Tecnicamente é a mais simples e consiste na realização de uma microincisão na membrana timpânica (tímpano) para colocação de um tubo de ventilação, conhecido popularmente como dreno. Está indicada para pacientes que possuem problemas de ventilação da parte média do ouvido e que desenvolvem acúmulo de líquido atrás do tímpano ou áreas de retração no tímpano. É bastante comum em crianças e as principais sintomas são dificuldade em ouvir, desatenção e alterações na fala. Adultos queixam de abafamento do ouvido, perda de audição, sensação de agua no ouvido. Procedimento é feito sob sedação ou anestesia geral e através do canal do ouvido por meio de endoscópios cirúrgicos. Não necessita de cortes na pele. O paciente tem alta do hospital no mesmo dia e retorna as atividades normais no dia seguinte. Pode se optar por tubos de ventilação de curta permanência que são eliminados espontaneamente dentro do primeiro ano de pós-operatório ou por tubos de longa permanência em casos de doenças crônicas.